PIB da construção civil cresceu 8% em 2021, diz Sinduscon-SP

Setor foi responsável pela criação de 245.939 empregos no ano passado, ante 98.000 gerados em 2020

O Produto Interno Bruto (PIB) da construção civil cresceu 8% em 2021, segundo o Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (Sinduscon-SP) e a Fundação Getulio Vargas (FGV). No início de dezembro de 2020, a projeção era de expansão de 3,8% do PIB setorial no ano passado.

Por segmento, o PIB de empresas teve elevação de 8%, o de edificações, alta de 7%, o de infraestrutura, incremento de 8%, o de serviços especializados, crescimento de 10%, e o dos demais segmentos, acréscimo de 8%.

Para o cálculo do PIB setorial, foram considerados o aumento de 6,8% das vendas no varejo até outubro e a alta de 10% na produção física de insumos até novembro. “Essa produção física reflete a demanda das construtoras e das famílias”, diz Ana Maria Castelo, coordenadora de projetos da construção do FGV-Ibre.

Segundo a pesquisadora, houve queda da oferta e da demanda de materiais no fim do ano. Esses produtos voltaram a competir com outros gastos e foram impactados também pelo crescimento da inflação.

Outros fatores levados em conta foram as expansões, de janeiro a novembro, dos indicadores de emprego no segmento de serviços (13,6%), infraestrutura (11,2%), edificações (9,7%), além de emprego total (11,3%). Em serviços, estão incluídas terraplenagem, instalações e obras de acabamento.

Em 2021, foram criados 245.939 empregos, ante os 98.000 do ano anterior.

Os três principais itens listados como limitadores do setor de construção foram demanda insuficiente, custo de matéria-prima e competição do próprio setor. No ano passado, o Índice Nacional de Custo da Construção (INCC-M) de Materiais e Equipamentos cresceu 24,37%.

Dados da Associação Brasileira das Incorporadoras Imobiliárias (Abrainc) citados pelo Sinduscon-SP apontam que, em setembro, as vendas de imóveis caíram 9,7%, puxadas pelo recuo de 18,6% da comercialização de unidades enquadradas no programa habitacional Casa Verde e Amarela.

Fonte: Valor Econômico – https://valor.globo.com/empresas/noticia/2022/01/13/pib-da-construcao-civil-cresceu-8percent-em-2021-diz-sinduscon-sp.ghtml